Princípios ativos: ácido láctico, ácido salicílicoDuofilm Plantar

Composição – DUOFILM PLANTAR

ácido salicílico, ácido láctico, lactato ácido,colódio flexível, hidroxipropilcelulose e álcool etílico.

Posologia e Administração – DUOFILM PLANTAR

antes da aplicação do Duofilm Plantar, lavar a área afetada com água morna por cinco minutos, no mínimo. Secar cuidadosamente com toalha limpa. Aplicar uma fina camada do produto diretamente sobre a verruga, uma vez ao dia, evitando contato com a pele normal que circunda a verruga. Cobrir a área afetada com uma bandagem. Normalmente, observam- se os primeiros resultados, após 2 a 4 semanas da terapia, sendo que a cura total pode ser esperada após 6 a 12 semanas. – Superdosagem e ingestão acidental: a ingestão acidental do produto pode produzir efeitos sistêmicos, tais como, vômito, dor abdominal, aumento na frequência respiratória, acidose e distúrbios mentais. Pode provocar erupções cutâneas, em indivíduos sensíveis. As medidas mais imediatas visam livrar o organismo rapidamente do ácido salicílico. A administração intravenosa de bicarbonato de sódio é rápida e eficaz, caso se possa induzir diurese alcalina forçada e aumentar a excreção de salicilato. O paciente deve ser prontamente hospitalizado e o médico responsável notificado. Topicamente, a superdosagem pode ocorrer devido à aplicação do produto em grandes áreas da pele afetadas por alguma dermatose ou pelo uso contínuo e indiscriminado, não controlado pelo médico. Nestes casos, deve-se interromper o uso do produto. Este procedimento deve ser realizado uma vez ao dia até completa eliminação da verruga.

Precauções – DUOFILM PLANTAR

não foram estabelecidas a segurança e a eficácia deste produto em crianças, gestantes e mulheres no período de amamentação. O ácido salicílico deve ser usado com cuidado em grandes áreas da pele, pois pode resultar em toxicidade sistêmica. Sua aplicação contínua e frequente na pele pode causar dermatite. Devido à sua ação queratolítica e irritante, Duofilm Plantar não deve entrar em contato com olhos, membranas mucosas e a pele sã que circunda a verruga. Interações medicamentosas: não foram constatadas, até o momento, quaisquer interações medicamentosas associadas ao uso tópico de Duofilm Plantar.

Reações adversas – DUOFILM PLANTAR

nos trabalhos clínicos efetuados com Duofilm Plantar, as reações adversas mais frequentes foram reações dermatológicas pouco significativas. Irritação local foi a reação mais comum, a qual pode ser controlada pela suspensão temporária da terapia e pela aplicação cuidadosa do produto somente sobre a verruga, evitando contato com a pele sã. Outras reações, muito raras, incluem dermatite, devido à aplicação contínua e frequente na pele, e toxicidade sistêmica aguda por salicilato, devido à aplicação do ácido salicílico em grandes áreas de pele, principalmente aquelas afetadas por alguma dermatose.

Contra-Indicações – DUOFILM PLANTAR

para pacientes diabéticos ou com problemas circulatórios, como também não deve ser aplicado sobre pintas, marcas de nascença e verrugas raras de onde nascem pêlos. Não aplique na face ou mucosas.

Indicações – DUOFILM PLANTAR

tratamento e remoção de verruga plantar.

Apresentação – DUOFILM PLANTAR

bisnagas contendo 20 g.

LABORATÓRIO

STIEFEL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.