Princípio ativo: bromopridaDigerex
Classe terapêutica dos Antiemeticos e Est. da Motil. e Secrecao Gastr.
Princípio ativo Bromoprida.

Indicações de Digerex

Náuseas e vômitos de origem central e periférica, inclusive hiperemese gravídica, discinesias gastroduodenais e biliares. Colopatias espasmódicas, enxaqueca e mal-estar de origem celíaca, anorexia. No preparo para endoscopia e radiologia digestiva, vômito anestésico, pós-radioterapia, no pré-operatório. Exames radiológicos do tubo digestivo e preparação de exploração endoscópicas. Manifestações digestivas após aplicação de radioterapia.

Efeitos Colaterais de Digerex

Em alguns casos de pacientes submetidos anteriormente a neurolépticos ou que apresentam excepcionalmente sensibilidade a tais produtos, pode-se observar, raramente o aparecimento de espasmos musculares localizados ou generalizados, que são completamente reversíveis após a suspensão do medicamento. Foram relatados casos de sonolência, cefaléia, calafrios, astenia e distúrbios de acomodação.

Como Usar (Posologia)

Cápsulas: 4 a 6 cápsulas (40 a 60 mg) ao dia, em 3 ou 4 tomadas. Solução injetável: 1 a 2 ampolas (10 a 20 mg) ao dia, via intramuscular ou endovenosa. Esta posologia poderá ser aumentada ou diminuída conforme o caso clínico. Crianças: 0,5 a 1 mg por quilo de peso ao dia, por via intramuscular. Solução oral: adultos: 10 ml (10 mg) 4 a 6 vezes ao dia. Crianças: 0,5 a 1 mg por quilo de peso ao dia (1 mg = 1 ml). Gotas pediátricas: 0,5 mg (3 gotas) e 1 mg (6 gotas) por quilo de peso ao dia. Esta posologia deve ser fracionada e administrada em partes a intervalos iguais no decorrer do dia. Nos casos de vômitos, pode-se recorrer primeiramente à administração de solução injetável em doses recomendadas em pediatria.

Precauções

A bromoprida é geralmente bem tolerada, permitindo sua utilização na mulher grávida, no ancião, nos glaucomatosos e diabéticos, no entanto, como ocorre com qualquer medicamento o seu emprego deve ser com cautela durante o primeiro trimestre de gravidez. Em alguns casos, pacientes submetidos anteriormente a neurolépticos podem ter uma sensibilidade a este tipo de produto. Não é recomendável prescrever bromoprida em pacientes com suspeita de feocromocitoma sem rígido controle médico.

Apresentação

Cartucho com 1 blister com 20 cápsulas; solução injetável em cartuchos com 5 ampolas de 2 ml; solução oral em frasco de 120 ml com dosador; gotas pediátricas em frasco de 20 ml com conta-gotas.

Composição

Cada cápsula de 10 mg contém: bromoprida 10 mg.Excipiente q.s.p. 1 cápsula. Cada ampola de 2 ml da solução injetável contém: bromoprida 10 mg. Veículo q.s.p. 2 ml. Cada ml da solução oral contém: bromoprida 1 mg. Veículo q.s.p. 1 ml. Cada ml (20 gotas) das gotas pediátricas contém: bromoprida 4 mg. Veículo q.s.p. 1 ml.

Laboratório

De Mayo Inds. Químs. e Farms. Ltda.

Remédios da mesma Classe Terapêutica

Bromoprida (genérico), Cinetic, Cisapan, Citroplus, Digerase

Remédios que contém o mesmo Princípio Ativo

Bromoprida (genérico), Digesan, Digestina, Plamet, Pridecil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.