Princípio ativo: deflazacorteDecortil
Classe terapêutica dos Antiinflamatorios
Princípio ativo Deflazacort. Uso adulto. venda sob prescrição médica.

Indicações de Decortil

Antiinflamatório e imunossupressor indicado no tratamento de: doenças reumáticas; doenças do tecido conjuntivo; doenças dermatológicas; estados alérgicos não-responsivos a drogas não-asteróides; doenças respiratórias; doenças oculares; distúrbios hematológicos; doenças gastrintestinais; doenças neoplásicas; doenças neurológicas; doenças renais; doenças endócrinas.

Como Usar (Posologia)

A dose necessária é variável e deve ser individualizada, de acordo com a doença a ser tratada e resposta do paciente. adultos: dose inicial: 6 a 90 mg/dia, dependendo da gravidade dos sintomas. em doenças menos graves, doses mais baixas podem ser suficientes, enquanto que as graves podem requerer doses maiores. a dose inicial deve ser mantida ou ajustada até a obtenção de uma resposta clínica satisfatória. se esta não ocorrer o tratamento deve ser interrompido e substituído por outro. depois de se alcançar uma resposta inicial favorável, a dose de manutenção adequada deve ser determinada pela diminuição da dose inicial em pequenas frações até alcançar a menor dose capaz de manter uma resposta clínica adequada. manutenção: os pacientes devem ser controlados cuidadosamente, identificando os sinais e sintomas que possam indicar a necessidade de ajustar a dose, incluindo alterações no quadro clínico, resultante da remissão ou exacerbação da doença, resposta individual às drogas e efeitos do estresse (por ex.: cirurgia, infecção, traumatismo). durante o estresse pode ser necessário aumentar temporariamente a dose.

Modo de Uso (Posologia) de Decortil

A dose necessária é variável e deve ser individualizada, de acordo com a doença a ser tratada e resposta do paciente. adultos: dose inicial: 6 a 90 mg/dia, dependendo da gravidade dos sintomas. em doenças menos graves, doses mais baixas podem ser suficientes, enquanto que as graves podem requerer doses maiores. a dose inicial deve ser mantida ou ajustada até a obtenção de uma resposta clínica satisfatória. se esta não ocorrer o tratamento deve ser interrompido e substituído por outro. depois de se alcançar uma resposta inicial favorável, a dose de manutenção adequada deve ser determinada pela diminuição da dose inicial em pequenas frações até alcançar a menor dose capaz de manter uma resposta clínica adequada. manutenção: os pacientes devem ser controlados cuidadosamente, identificando os sinais e sintomas que possam indicar a necessidade de ajustar a dose, incluindo alterações no quadro clínico, resultante da remissão ou exacerbação da doença, resposta individual às drogas e efeitos do estresse (por ex.: cirurgia, infecção, traumatismo). durante o estresse pode ser necessário aumentar temporariamente a dose.

Composição

Cada comprimido contém, respectivamente: Deflazacort 6 mg ou 30 mg. Excipiente q.s.p. 1 comprimido.

Forma Farmacêutica e Apresentações

Embalagens contendo: 20 comprimidos de 6 mg; 10 comprimidos de 30 mg.

Laboratório

Biolab Searle

Remédios da mesma Classe Terapêutica

A.a.s., Actiprofen, Algifen, Alginac, Algizolin

Remédios que contém o mesmo Princípio Ativo

Cortax, Deflanil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.