Princípio ativo: acebrofilinaBrondilat

Composição – BRONDILAT

cada 5 ml contém: acebrofilina 50 mg.

Posologia e Administração – BRONDILAT

tomar 1 copo- medida (10 ml) a cada 12 horas. Superdosagem: não foram relatados casos de superdosagem, entretanto nesta eventualidade, se o paciente estiver alerta e transcorreram poucas horas após a ingestão, a indução do vômito pode ser de valia. No caso de o paciente apresentar convulsões, manter as vias aéreas permeáveis, administrar oxigênio e diazepínicos devem ser administrados por via endovenosa. Manter hidratação adequada e monitorizar sinais vitais.

Precauções – BRONDILAT

é aconselhável evitar o seu uso durante o primeiro trimestre de gravidez. Deve- se ter cautela ao empregar a acebrofilina em pacientes hipertensos, cardiopatas, com hipoxemia severa. – Interações medicamentosas: anticoncepcionais orais, carbamazepina, fenobarbital, fenitoína e sais de lítio. A administração concomitante de antibióticos macrolídeos (eritromicina), cimetidina e alopurinol pode retardar a eliminação do componente de teofilina.

Reações adversas – BRONDILAT

podem ocorrer casos raros de queixas digestivas que desaparecem com a suspensão da medicação.

Contra-Indicações – BRONDILAT

hipersensibilidade comprovada ao componente ativo da fórmula ou a outras xantinas. Doenças hepáticas, renais ou cardiovasculares graves, úlcera péptica ativa e história pregressa de convulsões.

Indicações – BRONDILAT

tratamento sintomático e preventivo das patologias agudas e crônicas do aparelho respiratório caracterizadas por fenômenos de hipersecreção e broncospasmo, tais como, bronquite obstrutiva ou asmatiforme, asma brônquica, traqueobronquite, broncopneumonias, bronquiectasias, pneumoconioses, rinofaringites, laringotraqueítes, enfisema pulmonar.

Apresentação – BRONDILAT

xarope em frasco de 120 ml, acompanhado de copo- medida de 10 ml.

LABORATÓRIO

ACHÈ

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *