Princípio ativo: albendazolBentiamin
Classe terapêutica dos Antihelminticos
Princípio ativo Albendazol.

Indicações de Bentiamin

Tratamento das infecções simples e múltiplas por Ascaris, Enterobius, Trichuris, Ancylostoma, Necator, Tenias e Strongyloides.

Efeitos Colaterais de Bentiamin

Casos raros de desconforto abdominal e cefaléias.

Precauções

Na gravidez e em crianças com menos de 2 anos, deve-se evitar o uso do produto nas duas situações.

Apresentação

Comprimido e suspensão para dose única.

Composição

Albendazol 400 mg (comprimido e suspensão paradose única).

Contraindicações

Na gravidez (riscos de teratogênese), hipersensibilidade ao albendazol e crianças com menos de 2 anos de idade.

Modo de Uso

A dose usual e de 400 mg (1 comprimido mastigável e 10 ml da suspensão a 4%), em dose única, para adultos e crianças acima de 2 anos. No Strongyloides e na teníase, a dose deve ser repetida durante três dias consecutivos.

Laboratório

Química Haller Ltda.

Remédios da mesma Classe Terapêutica

Alba 3, Alben, Alin, Amplium, Ascaridil

Remédios que contém o mesmo Princípio Ativo

Alba 3, Alben, Alin, Dazol, Helmintal

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.